^

Caetanear

Em 2019, vamos comer Caetano?

Com imensa Alegria Alegria iniciamos o projeto Caetanear.

Um múltiplo ambiente artístico onde nos alimentaremos da pujança artística que é Caetano Veloso.

Entre Janeiro e Abril de 2019, realizaremos diversas ações: 4 oficinas (Teatro, dança, musica e audiovisual), 3 palestras, Mostra de filmes, Performances, festa, ensaios abertos, Projeto Mediação,  para ao fim gerarmos a 4ª versão do espetáculo Velôsidade Máxima.

Compartilha esse projeto, Fabio Vidal (Território Sirius Teatro), Clara Garcia e Claudio Machado (União Instável), Edson Bastos e Henrique Filho (VOO Audiovisual), Alexis Borras (Digital Film), Ana Paula Vasconcelos (Multi Planejamento Cultural), Daniel Becker, Zuarte Junior, Nando Zâmbia, Rino de Carvalho, Jarbas Bitencourt, Alessandra Nohvais, Danny Mattos, Helder Azevedo e Vlady Alves (BIZ Comunicação), Viviane Freitas e Caio  e tantos outros que vão mergulhando conosco nesse universo. Criamos por essa união um local de confluência para geração de diversas formas expressivas cênico-cinematográficas.

Nossa casa (ateliê criativo) será no Forte do Barbalho. Residiremos no Galpão Wilson Melo, mas outras ações se desenvolverão por outros espaços de Salvador.  Dia 08 teremos o lançamento do projeto na Casa Rosada (Barris) pelo ciclo de palestra OUTRAS PALAVRAS, que nesse primeiro episódio, trará Marlon Marcos nos contando sobre a biografia de CAETANO.

O projeto foi contemplado pelo edital Gregórios, da Fundação Gregório de Mattos, e Prefeitura de Salvador e edital Iberescena 2019.

 

Venham fazer parte desse movimento,

Ninguém solta a mão de ninguém,

Façamos da arte o nosso lugar de refúgio e resistência,

Queremos te dar esse grande ABRAÇAÇO.

Share