^

Espetáculo “Joelma” chega a CAIXA Cultural Curitiba

IMG_6915

Peça faz três apresentações em Curitiba, em uma comunhão entre teatro, cinema e dança, trazendo ao público a história de uma das primeiras transexuais do Brasil

Depois de passar por Brasília, Fortaleza, Goiânia, São Paulo, Recife e Frankfurt (Alemanha), o espetáculo “Joelma”, de Salvador, faz três apresentações na CAIXA Cultural Curitiba, de 9 a 11 de dezembro, com ingressos a preços populares. Em seu quinto solo, o artista Fabio Vidal, do Território Sirius Teatro de Salvador (BA), conta a história da transexual Joelma.

A peça narra a surpreendente e emocionante vida de uma das primeiras transexuais da Bahia e do Brasil: Joelma, hoje com 72 anos de idade. Uma história de afirmação e reinvenção frente aos preconceitos e injustiças, que revela elementos relativos às questões de gênero e de religiosidade.

O texto traz à tona a inadequação de uma mulher nascida em um corpo de homem. Natural da cidade de Ipiaú, no interior da Bahia, Joelma parte para São Paulo onde permanece por 30 anos, faz a cirurgia de transgenitalização (troca de sexo), casa e volta para sua cidade natal com seu verdadeiro corpo e alma. Como se não bastasse sua trajetória sofrida, um assassinato traz à narrativa do espetáculo um tom de drama policial.

Para o performer Fabio Vidal, “é gratificante ter a oportunidade de aproximar o público da experiência de vida de Joelma e poder gerar uma nova ótica sobre as ‘questões de gênero’, dissolver preconceitos e estimular afetos”.

“Joelma” é derivante do curta-metragem homônimo, dirigido pelo autor e diretor Edson Bastos, com quem o performer e ator Fábio Vidal divide a direção e autoria, agora no teatro. A versão para os palcos aprofunda inúmeras referências estabelecidas no filme, gerando uma nova obra experimental, que se cria na confluência do teatro com o cinema e a dança.

Acrescentam-se diálogos, histórias, personagens, questionamentos e informações que redimensionam o caráter mítico, religioso, filosófico e conceitual da obra cinematográfica. Como parte das ações de acessibilidade, para pessoas com deficiência auditiva, será realizada a tradução simultânea em libras e legendas em português em todas as sessões.

Share

Reply